CD do OFF! saindo

Um dos aspectos mais fascinantes do punk californiano são os inter-relacionamentos entre as bandas. Aqui no California Sons, já falamos, por exemplo, do Dez Cadena, que tocou no Black Flag e no Redd Kross. Mas essas duas bandas têm muito mais em comum.

Redd Kross foi fundado pelos irmãos Steven e Jeff McDonald, Ron Rayes e Greg Hetson. O Ron Rayes depois cantou no Black Flag, e Greg Hetson faz parte do Circle Jerks e do Bad Religion, e já teve o projeto Punk Rock Karaoke, com o Steve Soto (Adolescents, Agent Orange, Legal Weapon, Joyride, 22 Jacks etc.) e o Eric Melvin (NOFX).

O primeiro disco do Redd Kross – na época Red Cross –, Born Innocent, foi lançado em 1981. O nome da banda, inspirado na cena da masturbação do filme O Exorcista, mudou por problemas com a Cruz Vermelha.

O baixista Steven McDonald juntou-se ao mítico Keith Morris (Black Flag, Circle Jerks), a Dimitri Coats (Burning Brides) e a Mario Rubalcaba (Rocket From The Crypt, Hot Snakes, Earthless) para formar o OFF!

Diz a lenda que Coats estava trabalhando na produção do novo disco do Circle Jerks, sobre o qual Keith Morris falou à imprensa brasileira, quando estiveram aqui para show em São Paulo, em março de 2009. Confira a abertura do show aqui. Alguma coisa nesse disco deu errado, e acabou nunca saindo. Mas a convivência dos dois gerou excelentes músicas, e a banda OFF!

Até agora, OFF! lançou quatro EPs. O som é muito parecido com o Black Flag da época do Keith Morris. Lembra muito o Nervous Breakdown, primeiro EP da banda. Os vocais gritados do Keith Morris continuam passando aquela atmosfera de desespero e agonia que o fizeram famoso. Um dos caras mais cool do pedaço. Uma guitarra só, quando tem solo não tem base, quando tem base não tem solo. As músicas mais longas têm um minuto e meio, e muitas não chegam a um minuto.

Está para sair um cd com todos os EPs, chamado The First Four EPs. O lançamento está previsto para 15 de fevereiro, daqui a dez dias. Os EPs também foram vendidos em uma caixa com os quatro disquinhos de vinil em 7”. Quem assina a arte gráfica é o Raymond Pettibon. Esse cara, irmão do Greg Ginn, é famoso pela arte do Black Flag, tanto nos discos, quanto nos flyers de shows.

Esses EPs estão entre os melhores lançamentos do punk californiano em 2010. O som é bem isso: punk. E pronto.

Anúncios

Dez Cadena em estúdio

Dez Cadena, embora nascido em New Jersey, é figuraça clássica da California. Ex-Black Flag, onde esteve no início dos anos 80, o guitarrista toca agora no Misfits, também de NJ, já desde o começo do milênio 2000. Antes, fez a banda DC3, com o Paul Roessler, do Screamers – por sinal, irmão da Kira, baixista do Black Flag. Essa banda lançou coisas pela SST, assim como o Hüsker Dü, cujo clássico Zen Arcade contou com participação do Dez. Dentre outros clássicos da California, Dez esteve também no Redd Kross.

Seu último lançamento foi o EP Land of the Dead, que saiu em 2009, com o Misfits de Jerry Only. O baterista foi o ROBO, colombiano ex-Black Flag, que também tocou na versão 1983 do Misfits.

A banda anunciou, no site oficial (www.misfits.com), que está prestes a lançar um novo LP. O nome já foi revelado: será chamado The Devil’s Rain. Dez e Jerry agora tocam com “The Goat” na bateria. É o apelido de Eric Arce, do Murphy’s Law, que chegou com a saída de ROBO, no ano passado.

Estamos no aguardo!