Aniversariantes do dia

No dia 18 de setembro de 1951, nasceu Douglas Glenn Colvin, em Fort Lee, Virginia, USA. Ainda criança, mudou-se para Berlin, Alemanha, terra de sua mãe. Lá viveu, em meio aos escombros da guerra, até os 15 anos, quando a família se mudou para Forest Hills, Queens, NYC, USA. Alguns anos depois, trocou seu nome para Dee Dee Ramone, e o rock and roll jamais seria o mesmo. Dee Dee foi um dos que inventaram aquilo que hoje chamamos de Punk Rock. Provavelmente, foi o principal responsável, musicalmente falando, por esse estilo. Teve uma vida difícil, sofreu de distúrbios psicológicos a vida toda. Criativo, sensível e talentoso, escreveu algumas das melhores músicas que o rock and roll já ouviu. Livrou-se das drogas e do álcool, mas recaiu e morreu de overdose. Está, hoje, enterrado em Hollywood, CA, no cemitério Hollywood Forever. Em sua lápide, um verso da música Highest Trails Above, que gravou, com sua banda Ramones, no começo da década de 1980.

Em 18 de setembro de 1955, nasceu Keith Morris, em Hermosa Beach, CA, USA. Seu pai tinha tocado bateria, e gostava de jazz, mas profissionalmente tinha uma loja de iscas para pesca. Keith teve uma infância e uma adolescência normais californianas. Foi para a Mira Costa High School, e depois de se “formar” na high school, estudou arte na Pasadena Arts Center e foi trabalhar na loja do pai. Com seu colega Greg Ginn, da Mira Costa, e seu colega de loja, Bill Stevenson, formou a banda Black Flag, e o Punk Rock nunca mais foi o mesmo. Keith foi um dos responsáveis pelo que viria a ser o Hardcore californiano tradicional. Ainda no começo, Keith saiu do Black Flag, depois de gravar o primeiro EP, e fundou o Circle Jerks. Hoje toca no OFF! Logo mais, à noite, sua banda toca no White Rabbit, em San Antonio, TX, USA. Ainda tem ingressos.

Dois dias de X e gente boa na California

Ontem e anteontem teve X na California. Morar lá deve ter suas vantagens…

No show de ontem, a abertura foi do Jonny 2 Bags. Não sei quem é a banda que o acompanha, mas o baterista é o David Hidalgo Jr.

Depois, tocaram a dupla Sean Wheeler (Throw Rag) e Zander Schloss, o lendário baixista do Circle Jerks, que também tocou com o Joe Strummer e com o Weirdos nos shows de volta da banda.

E fechando a noite, X.

O lugar, The Observatory, fica em Santa Ana, cidade ao sul de Anaheim e Fullerton, e ao norte de Huntington Beach, em Orange County, CA.

Um dia realizo um sonho, que já dura meia-vida, e vejo um show desses por ali.

PS.: pelas tattoos acima, do Jonny e do Sean, um dia vamos contar quantos californianos desses têm um Jesus tatuado? Ou vai ser mais fácil contar quantos não têm? Mike Ness e seu filho Julian têm no mesmo lugar do Sean, quase igual. E, sempre, em tinta preta, estilo chicano tradicional.